O Super-Homem Tímido e Você

O SUPER-HOMEM TÍMIDO E VOCÊ

Imagina o Super-Homem vendo um ônibus desgovernado, cheio de turistas, rumo a um penhasco. Ele escuta os gritos. Ele reconhece o perigo. Ele pode agir.

Mas ele é tímido. Então faz nada.

Aliás, ele faz alguma coisa sim: ele dá as costas e caminha na direção oposta. Afinal, o que os olhos não vêem, o coração não sente.

Se fosse qualquer outro cidadão, não sentiríamos tanta raiva da sua atitude. O que um mero mortal pode fazer perante um ônibus em alta velocidade e sem freios?

Mas ele é SUPER-HOMEM puxa! Ele tem a solução! Porque guardar para si tamanho poder? Porque manter em segredo aquilo que aquelas pessoas desesperadas tanto precisam?

Da mesma forma, porque somos tão tímidos na evangelização? Se nosso Deus é o único Deus verdadeiro, se a vida eterna é somente pelo nosso Senhor Jesus Cristo, se a salvação só é possível através da fé em Jesus Cristo, se a fé só virá se alguém compartilhar o Evangelho….se, se, se, se…..Se tudo isso é verdadeiro — porque guardamos o Evangelho em segredo?

Só pode ser porquê, no fundo dos nossos corações, duvidamos que Deus julgará o pecador, que Cristo salvará o arrependido, que a Santa Trindade cobrirá aquele que crê com misericórdia cristalina e preciosa. Duvidamos o que a Escritura diz acerca da majestade do amor de Cristo, da profundeza da perdição dos homens, da maravilhosa transformação que o Espirito Santo faz no condenado.

Duvidamos do poder do Evangelho e por isso temos receio de obedecê-lo. Nos contentamos com a rotina do Cristianismo ao invés de nos aprofundar na sua beleza.