O Cristão vive olhando para trás?

O Cristão vive olhando para trás?

Em um artigo recente, o autor e teólogo Derek Rishmawy aponta uma preciosa verdade: o que define o cristão é o que ele É em Jesus, e não aquilo que FOI.

O cerne do testemunho cristão não deve ser, portanto, falar horas a fio sobre os equívocos da igreja, tradição ou tipo de teologia da qual viemos. Antes, devemos compartilhar a graça, misericórdia e esperança a qual somos atraídos.

Mas como é comum ver ex-neopentecostais, ex-fundecas, ex-legalistas, ex-liberais etc descendo a lenha sobre seus passados. Ou, como é comum ver Calvinista, Reformado, ou Batistão que só comenta os mil erros da teologia que antes confessava.

É “regozijar-se em ser superior aquilo que foi deixado para trás“, diz Derek, característica essa que define o apóstata, e não o cristão.

Sabemos de onde viemos, claro, e somos gratos por enxergar os erros cometidos pelo caminho. Mas o que define o cristão é descansar, celebrar, e compartilhar a graça que é encontrada em Jesus Cristo.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *